Por que 98% das pessoas que fazem promessas de final de ano, não as cumprirá?

2016 ILUMINADO INSTAGRAM

Porque temos um mecanismo cerebral que, automaticamente , opta pelos circuitos padrão, cuja rotina solidificou determinado comportamento que é mais conhecido por nós, que o repetimos por anos seguidos e que também, o torna mais confortável de realizar, pois, estamos acostumados em executar sempre as mesmas coisas, do que ter que adotar um novo hábito.

O que isso significa? Que suas promessas de final de ano pretendem reverter essa ordem e acabar com um determinado hábito que você cultivou por anos e que agora quer eliminar. Simples? Pode parecer que é simples, mas se fosse, 98% das pessoas teriam sucesso e não o contrário. Estatísticas apontam que já em Março, 70% esqueceram das promessas de final e ano.

Nossas promessas visam uma mudança como, por exemplo, parar de comer muito para emagrecer, sair do sedentarismo ingressando numa academia, economizar e saldar as dívidas, entre outras.

Todas as promessas preveem abrir mão de algo prazeroso como comer, ficar de pernas para cima sem fazer nada, gastar dinheiro para comprar  coisas que nos deixam felizes e aí que está o grande problema do ponto de vista d cérebro que rejeita seus planos, inundando sua mente de pensamentos que visam sabotar essa proposta. A mensagem captada, inconscientemente, é que virão sacrifícios por aí. Ocorre que somos configurados para alcançar o prazer, a felicidade e, portanto, qualquer atividade que , de alguma maneira, nos afaste disso está fadada ao fracasso.

E como os 2% das pessoas conseguem realizar as promessas?

  1. Traduzindo sua promessa para o cérebro no formato de PRAZER. Por exemplo: Quando você emagrecer o que irá ocorrer em sua vida? – vestir roupas mais justas, conquistar um novo amor, melhorar a autoestima, se livrar das dores nas costas e nas pernas, enfim, faça a sua lista.
  2. Comemorando cada pequena conquista semanal. Tire fotos antes e depois, poste nas redes sociais, assim os amigos o apoiarão na decisão.
  3. Estabeleça apenas uma ou duas promessas importantes. Deixe a lista com as 500 promessas de lado, escolha apenas 2 que você com certeza, cumprirá e que fará toda a diferença na sua vida em 2016.Sabe aquela vontade de mudança que se você fizer pode alterar mais umas 5 coisas ao seu redor??Então, escolha essa opção.
  4. Mantenha um diário de bordo. Escreva como você está se sentindo, assim você terá a exata noção do seu progresso. Anote quanto emagreceu , por exemplo, ou quanto da sua dívida você quitou.
  5. Não tenha pena de você mesmo, nem permita que os outros o tratem como vítima. Somente os fortes conseguem mudar comportamentos para conquistar grandes resultados. Peça a seus amigos que evitem palavras de consolo, ou fiquem empurrando aquela comida que você ama, ou o cigarro que você quer parar de fumar, e que evitem lhe convidar para o chopp na hora da academia. Regras básicas estabelecidas , deixam claro para os envolvidos que é você quem está no controle da sua vida e não as suas vontades ou a de seus amigos e familiares.

Agora é com você superar com disciplina e perseverança todos esses obstáculos que seu cérebro irá impor lhe atormentando com pensamentos de dúvida.

Agora, se você não quer se sentir um fracassado, que é avassalador para o cérebro, NÃO PROMETA NADA E TENHA UM 2016 QUE VOCÊ ACHA QUE MERECE.

SE ATIRA NA VIDA INTENSA.

Marynês Pereira

Neurocoach Liderança, Vendas e Carreira